segunda-feira, 28 de abril de 2008

Depois da chuva...

Amor,
A chuva passou
Vem pra fora ver
Os primeiros raios de sol
Tocarem o nosso rosto

Levanta,
Arruma as coisas
Leva só o necessário
Sente o cheiro da rua molhada

Escolha as melhores roupas
Joga fora o que não servir mais
Olha no espelho
Olha nos seus olhos
E sorri

Deixa,
Que a chuva lavou
Levou e apagou
O caminho de marcas de pé

Chuva,
O amor passou
Vem pra fora ver
Os primeiros rostos
Tornarem o nosso raio de sol

3 comentários:

Fernando disse...

isso é teu?

victor/palheta disse...

É sim. Por que? Parece oq?

Anônimo disse...

É claro que parece vc!!! :)

O Anderson me falou sobre teu blog, achei e gostei do que li, em especial esse post.

Serei leitora assídua! :D

Beijos, Evellyn